segunda-feira, 18 de junho de 2012

Jardins Verticais a solução para o ecossistema urbano



Com uma arquitetura cinza e verticalizada, cada vez encontramos menos áreas verdes nas grandes cidades. Pensando na importância da vegetação para os seres humanos, arquitetos e paisagistas já encontraram pelo menos uma boa solução: os jardins verticais. Eles aproveitam os menores espaços, não atrapalham a movimentação das áreas urbanas e ainda proporcionam qualidade de vida para quem optou em viver na cidade.
Composto por 18 jardins verticais, o Supertree Aerial Walkway faz parte de um complexo chamado OCBC Skyway, a mais recente edição do inovador projeto Gardens by the Bay. Situado em Singapura, ele conta com uma passarela interligando todas as “árvores”, com estruturas de aproximadamente 20 a 25 metros de altura, criando uma paisagem inusitada no horizonte da cidade. Além da beleza dos jardins, eles foram criados pensando na sustentabilidade e no máximo aproveitamento dos recursos naturais.


O design é inspirado na forma de uma orquídea e seus troncos de aço possuem sistemas de captação de águas pluviais, coletando e armazenando água da chuva para reutilização, além de servirem como centros de energia que abrigam aquecedores solares, painéis solares e dutos de ventilação. Eles também permitem que o ar quente seja lançado a partir das estufas – que também fazem parte do projeto – em uma espécie de ecossistema urbano.


Os “ramos” das árvores, ainda em construção, vão funcionar como treliças, um dossel de trepadeiras, flores e folhas que fornecem sombra ao clima úmido de Singapura. Mais do que um jardim, é um local mágico. Entre as árvores altíssimas haverá um bosque encantador com um cenário convidativo para eventos. À noite, a área e seu entorno ganharão efeitos especiais de iluminação. A previsão é de que obras do Gardens By The Bay sejam concluídas já em junho de 2012. Sua mais alta árvore terá 50 metros e um bistrô em seu topo.